quinta-feira, 8 de janeiro de 2009



Retrospectiva

Novamente meu ser se esforça
Numa tentativa de renovo,
Qual figueira que mesmo sem folhas
Insiste em trazer no caule as marca de uma brotação.
Olho pra mim
E as vezes, me sinto envergonhada,
Decepcionada,
Frustrada comigo mesma.
E me veja novamente em uma autoavaliacao.
Eu quis tanto viver!
Eu tracei tantas metas...
Eu delimitei inúmeros alvos
E quase todos se perderam!
Eu tive tantos sonhos
E eles se esvaneceram!
Em certos momentos estive tão perto
De alcançar meus objetivos
Que não posso avaliar onde esmoreci!
Mesmo quando vasculho as gavetas da alma
Não sou capaz de identificar minas falhas.
Assim, estou consciente:
Muito desejei e pouco consegui.
Claro, tudo por minha perspectiva.
Sim, tudo por minha ótica, avaliado.
Meus valores...
Meus erros...
Meus pecados!
De repente
Percebo que acabo de cometer
Uma falha indesculpável:
Quem sou eu pra tanta condenação?
Não sou Deus,
Não sou espírito.
Sou carne...
Sou humana
Pequena demais para tanta inquietação!
Logo percebo:
Vivo pela graça,
Pela misericórdia daquele que me criou.
E por isso que não devo temer:
Apesar os erros,
Das falhas,
Dos enganos,
Vale a pena viver!
Viver mesmo que ao final do dia
Eu novamente perceba que eu poderia ter feito mais!
Viver mesmo que ao termino da semana,
Eu descubra que poderia ter sido alguém melhor!
Viver mesmo que nos instantes finais do ano
Eu me decepcione em uma nova avaliação!
Sabe por que?
Porque Deus não me espera magistral,
Ilesa, imune, cheia de perfeição!
Ele cumpre seu supremo propósito
Apesar de minha limitação!
E assim que vejo o ano que se vai
E encaro aquele que chega:
Certamente eu deixarei muito por cumprir;
Muito ainda por fazer, no tempo que tenho a viver.
Mas Aquele que me fez
Em sua onisciência
De tudo sabe.
Em sua paciência
Não desistiu de mim
E apesar de tudo
Usa-me mesmo assim!

Adenilza Ribeiro Silva Ramos da Fonseca

2 comentários :

janyanderson disse...

Que bom vermos literatura com esta qualidade. Louvado seja Deus!
Duda

Anônimo disse...

Que bom vermos poesias tão lindas! Louvado seja Deus!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails